A natureza e objetivo das ideias | #Aspas

Não importa de onde você retira as coisas, e sim para onde as conduz. – Jean-Luc Godard.

Esta acepção vem ao encontro de uma questão que abordo sobre projetos fotográficos, especialmente no que diz respeito ao tema. Isto é, encontrar uma proposta temática para trabalhar.

Costumo afirmar que um tema, o assunto, o objeto a ser tratado no seu trabalho fotográfico (por exemplo), pode surgir de qualquer lugar. Sem essa de ideias mirabolantes, distantes, pois, é necessário respeitar as limitações, as possibilidades… enfim. Assim sendo, independentemente da natureza e origem, o que vale realmente é que você tem a dizer sobre aquilo – aquela realidade.

O contexto e conceito se alinham na sua pessoalidade e forma de ver o mundo, assim, você a traduz EM forma e conteúdo para os outros. Então, tal como afirmou Godard (pelo menos nessa minha leitura), a questão não é de onde, mas para onde você (e)leva o tema. Afinal de contas, não há nada inédito nesse mundo onde tudo foi feito, fotografado, filmado, youtubizado… o que há é a sua abordagem, a sua criativade. Mas isso é conversa para outro post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s